• OCK MÍDIA

O que é necessário para abrir um consultório ou clínica?


Após completar a graduação, registrar-se no Conselho Regional de Medicina e passar pela residência, o novo médico se depara com a questão: o que é necessário para abrir um consultório ou clínica?


Veja algumas dicas:


1º passo: Contratar uma empresa de contabilidade ou um contador. É necessário definir quantas pessoas farão parte do negócio, quanto se espera faturar, se você desempenhará suas funções como pessoa física ou jurídica. No caso de pessoa jurídica - será necessário decidir como sua clínica será tributada: pelo Simples, Lucro Presumido ou Lucro Real. O contador poderá, também, auxiliá-lo na elaboração de um Contrato Social, na inscrição do CNPJ e Inscrição Estadual.


2º passo: Alvará da Vigilância Sanitária Como pessoa jurídica serão necessários o CNPJ e o contrato da empresa previamente registrado. Se decidir atuar como pessoa física, serão necessários CPF e RG, dentre outros documentos, dependendo do local em que a clínica atuará, já que de acordo com o estado ou cidade pode haver algumas variações de taxas e documentos.


3º passo: Alvará de Funcionamento Bem como o da Vigilância Sanitária, será necessário para iniciar as atividades. Além disso, trata-se de um documento necessário para o credenciamento do médico junto a convênios, bancos, etc. Este documento é concedido pelo município, observando a legislação específica de cada órgão nos diferentes estados brasileiros.


4º passo: Corpo de bombeiros Essa autorização de também varia de estado para estado. Ela determina as regras gerais de segurança contra incêndio e pânico. Para sua obtenção é serão necessários: documentos pessoais ou CNPJ e alvará de funcionamento. É imprescindível, também, estar em dia com o conselho profissional.

28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo