• OCK MÍDIA

Especialidades: a importância de orientar os pacientes

Muitos pacientes ficam em dúvida na hora de escolher um profissional, pois nem todos sabem ao certo do que trata cada especialidade. Alguns casos considerados mais simples levam o paciente à dedução: ao ter uma alergia na pele ele procura um dermatologista, quando os filhos estão doentes procura um pediatra, ou quando os sintomas não são claros procura um clínico geral.


Em nosso país são reconhecidas 53 especialidades médicas. Sem saber ao certo a quem recorrer muitas vezes o paciente acaba buscando respostas em sites e fazendo seu “autodiagnostico”, o que poderá leva-lo a procurar equivocadamente determinado profissional.


Infelizmente é comum encontrar “profissionais” que tiram proveito da desinformação dos pacientes, oferecendo serviços que não correspondem a sua especialidade ou até mesmo a sua profissão.


É extremamente importante orientar seu paciente sobre sua especialidade e, ao encaminhá-lo para outro profissional, esclarecer a necessidade de procurar esse especialista. Isso evita confusões e abandono do tratamento, visto que o paciente espera ser acolhido, ter suas queixas ouvidas e suas dúvidas sanadas.


Os profissionais da saúde não devem, em hipótese alguma, deixar de lado o atendimento humanizado. É através da atenção dispensada que o médico mostra que se preocupa e se importa com o bem estar de quem o procura.

57 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo